Ir direto para menu de acessibilidade.

Tradução Portal

ptendeites

Opções de acessibilidade

Página inicial > #campusjaguari
Início do conteúdo da página

IFFar

O Instituto Federal Farroupilha abriu seleção simplificada para vagas remanescentes em cursos técnicos integrados e subsequentes ao ensino médio. As inscrições vão de hoje (18) a 31 de janeiro.

Os cursos técnicos integrados ao ensino médio são dirigidos para quem completou o ensino fundamental e deseja fazer um curso técnico junto ao ensino médio no IFFar. Existem vagas para os Campus Alegrete, Frederico Westphalen, Jaguari, Santo Ângelo, São Borja e São Vicente do Sul. As inscrições são gratuitas e feitas através de envio de documentação e preenchimento de formulário. As informações completas estão disponíveis no Edital nº 05/2022.

Para os Cursos Técnicos Integrados do Campus Jaguari. Acesse o link: https://ingresso.iffarroupilha.edu.br/integrados e se inscreva até o dia 31 DE JANEIRO.

271850150 5285453444848199 4832775607434299401 n

Os cursos técnicos subsequentes ao ensino médio são dirigidos para quem completou o ensino médio e deseja fazer um curso técnico no IFFar. As vagas remanescentes são para os Campus Frederico Westphalen, Jaguari, Júlio de Castilhos, Panambi, São Borja, São Vicente do Sul e Uruguaiana. As inscrições também são feitas pela internet através de envio de documentação e preenchimento de formulário. As informações completas estão disponíveis no Edital nº 06/2022.

Para os Cursos Técnicos Subsequentes do Campus Jaguari. Acesse o link:  https://ingresso.iffarroupilha.edu.br/subsequentes e se inscreva até o dia 31 DE JANEIRO.

Secom

Publicado em Notícias Jaguari

Leia mais...

  • 19/01/22
  • 08h43

Uso de máscaras é obrigatório em todos os ambientes institucionais e vacinação contra a Covid-19 deverá ser comprovada pela comunidade acadêmica.

RETORNO PRESENCIAL 764x413 equal

Após quase dois anos de pandemia e de atividades predominantemente remotas, o retorno presencial integral no Instituto Federal Farroupilha já tem data marcada. Estudantes de todos os cursos voltam a ocupar os campi no dia 16 de fevereiro, data de início das aulas conforme calendário acadêmico. Servidores docentes, técnicos-administrativos e funcionários terceirizados retornam ao trabalho presencial um pouco antes, a partir do dia 1º.

Para organizar esse retorno com a maior segurança possível, o IFFar publicou nesta terça-feira (11) a Instrução Normativa nº 04/2022 (arquivo anexo a esta notícia), que traz orientações para a realização das atividades presenciais de ensino, pesquisa, extensão e administração. A retomada presencial integral foi oficializada em dezembro de 2021 por meio desta resolução do Conselho Superior e desta portaria.

Confira a seguir os principais destaques da Instrução Normativa.

Comprovação vacinal será necessária para ingressar nas unidades do IFFar

Além de utilizar máscara em todos os ambientes institucionais (fechados ou abertos), para voltar a circular nas dependências do IFFar a comunidade acadêmica vai precisar comprovar que fez a sua parte e se vacinou contra a Covid-19. Isso vale para estudantes, servidores, funcionários terceirizados, estagiários e demais pessoas que ingressem nos campi ou na reitoria. A adoção do “passaporte vacinal”, praticada por diversas instituições de ensino públicas do estado e do país, foi aprovada pelo Conselho Superior em dezembro

A comprovação corresponde ao esquema vacinal completo para servidores e terceirizados e pelo menos uma dose para estudantes, estagiários e público em geral, observando os calendários do Plano Nacional de Imunizações. São válidos como comprovantes: a carteira de vacinação digital, disponível na plataforma do Sistema Único de Saúde - Conecte SUS, ou o cartão de vacinação impresso em papel timbrado, emitido no momento da vacinação por instituição governamental brasileira ou estrangeira.

Pessoas que não puderam se vacinar por questões de saúde deverão comprovar a contraindicação por atestado médico. Essas devem permanecer em atividades remotas enquanto durar a pandemia ou, se preferirem, preencher uma autodeclaração para retorno ao trabalho presencial. Contudo, antes de entrarem em alguma das unidades do IFFar, não vacinados deverão apresentar testes RT-PCR ou teste antígeno negativo para Covid-19 realizado nas últimas 72h, além de assinar um termo de ciência e responsabilidade. Menores de idade deverão apresentar, além dos itens anteriores, o termo assinado pelos responsáveis.

Estudantes pertencentes ao grupo de risco poderão estudar em casa

Estudantes pertencentes a grupo de risco e/ou que não puderem realizar a vacina por questões médicas (comprovadas por atestado) têm assegurado o direito de estudarem em casa enquanto perdurar a pandemia. Para isso, eles devem solicitar estudos domiciliares, de acordo com a Resolução Consup nº 74/2016.

Conforme a Instrução Normativa nº 04/2022, caso o estudante nesta condição prefira retornar às atividades presenciais, precisará preencher uma autodeclaração para retorno ao estudo presencial. Além disso, no caso de não vacinados, será necessário apresentar teste RT-PCR ou teste antígeno negativos para Covid-19 realizados nas últimas 72h para circular nas dependências do IFFar.

A IN destaca, ainda, que o estudante não vacinado e que não conseguir comprovar a isenção de vacinação mediante atestado médico será impedido de acessar o campus e receberá falta nos componentes curriculares em que estiver matriculado.

Entende-se por grupo de risco as pessoas que apresentam as condições descritas na Instrução Normativa SGP/SEDGG/ME nº 90, DE 28 de setembro de 2021.

Servidores com comorbidades podem continuar em trabalho remoto

Assim como para estudantes, está prevista a possibilidade de continuidade das atividades remotas para servidores que apresentam as condições ou fatores de risco dispostas na IN nº 90 do Ministério da Economia. Servidoras e servidores em trabalho remoto deverão realizar suas atividades no horário regular de funcionamento da instituição, em equidade com aqueles exercerão o trabalho presencialmente.

Caso o servidor pertencente a grupo de risco e/ou que possua comorbidade deseje retornar às atividades presenciais, poderá preencher a autodeclaração para o retorno ao trabalho presencial, a ser entregue ao setor de saúde de sua unidade. 

Situação epidemiológica continua sendo monitorada

A Instrução Normativa nº 04/2022 ressalta que "as atividades presenciais de ensino, pesquisa, extensão e administração podem ser interrompidas por tempo indeterminado, a qualquer momento, em razão das condições do cenário epidemiológico". O parâmetro para acompanhamento dessas condições é o Sistema 3As (Aviso, Alerta e Ação) de Monitoramento adotado pelo governo do estado do Rio Grande do Sul. Nesta terça-feira (11), foi emitido um Aviso - o primeiro nível do sistema, antes de Alerta e Ação - a todas as 21 regiões Covid do estado, motivado pelo crescimento exponencial de casos.

A IN dispõe também que poderá haver suspensão das atividades presenciais de uma turma, por tempo determinado, caso servidores ou estudantes apresentem sintomas ou confirmação de diagnóstico de Covid-19.

Plano de Contingência recebeu atualização

As medidas de prevenção e de biossegurança que devem ser seguidas pela comunidade acadêmica na retomada das atividades presenciais estão reunidas no Plano de Contingência para a Prevenção, Monitoramento e Controle do Novo Coronavírus (Covid-19) do IFFar. Publicado pela primeira vez em julho de 2020, o documento foi revisado em 2021 e recentemente recebeu uma atualização para englobar as mais recentes recomendações do Ministério da Saúde. Confira a atualização.

Dentre as principais mudanças no Plano, destaca-se o tempo de isolamento em casos positivos de Covid, que antes era de 14 dias e agora está estabelecido entre 5 e 10 dias, dependendo dos sintomas e de resultados dos testes. Outra alteração nas recomendações é a aferição de temperatura na entrada das unidades, que passou a ser facultativa, sendo mantida nas moradias estudantis. 

Além disso, o Plano de Contingência reforça as medidas gerais de prevenção: o uso obrigatório da máscara, a higienização frequente das mãos, o distanciamento interpessoal e, especialmente, a importância da vacinação completa. Segundo dados globais divulgados na semana passada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), até 90% dos pacientes que foram hospitalizados com casos graves de Covid-19 não estavam imunizados.

Secom

Publicado em Notícias Jaguari

Leia mais...

  • 17/01/22
  • 10h38

Estudantes veteranos da graduação e dos técnicos subsequentes devem efetivar a matrícula via SIGAA de 10 a 14 de janeiro.

Graduação e subsequentes

O Instituto Federal Farroupilha (IFFar) informa que as matrículas online do primeiro semestre de 2022 para os cursos técnicos subsequentes e de graduação deverão ser realizadas no período de 10 a 14 de janeiro pelo SIGAA, seguindo as instruções disponíveis neste documento.

O IFFar também informa à comunidade discente que, devido ao ataque virtual sofrido ao sistema integrado de gestão no final do ano passado, poderão ocorrer problemas de acesso ou de não efetivação da matrícula. Dessa forma, orienta aos estudantes que tiverem dificuldades em efetivar a matrícula a entrarem em contato por e-mail com a Coordenação de Registros Acadêmicos (CRA) de seu campus, enviando a ficha de dados cadastrais (anexa a esta notícia) preenchida para a liberação da matrícula. Quem efetivar a matrícula normalmente pelo SIGAA não precisa seguir esse procedimento.

Este período de matrículas é somente para estudantes veteranos.

Para maiores informações contatar a Coordenações de Registros Acadêmicos:

Campus Jaguari - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Publicado em Notícias Jaguari

Leia mais...

  • 10/01/22
  • 09h27

Retomada do ensino e trabalho presencial em todos os cursos e unidades do Instituto Federal Farroupilha será no início do ano letivo de 2022, no mês de fevereiro.

consup

Na reunião realizada na manhã desta sexta-feira (17), o Conselho Superior (Consup) do IFFar aprovou a proposta de retomada integral das atividades presenciais no início do ano letivo de 2022. A pauta foi aprovada por unanimidade pelos conselheiros e conselheiras.

Dessa forma, estudantes de todos os cursos e campi devem retomar as atividades presenciais no dia 16 de fevereiro, data de início das aulas estabelecida pelo calendário acadêmico 2022. Já os servidores docentes e técnicos-administrativos devem voltar ao trabalho presencial um pouco antes, a partir do dia 1º do mesmo mês. Será publicada uma portaria estabelecendo essas datas, conforme decisão do Consup.

A reitora do IFFar, Nídia Heringer, afirmou que, enfim, “epidemiologicamente, a gente não tem mais nenhum entrave para retomar com segurança as atividades presenciais integrais do IFFar”. Antes de chegar ao Conselho, a proposta foi aprovada pelo Codir e discutida pelo Comitê Intitucional de Emergência (CIE).

Conforme parecer da pró-reitoria de ensino (PROEN), apresentado na reunião pelo pró-reitor Renato Coutinho, a decisão vai atender ao anseio da comunidade escolar e beneficiar a aprendizagem, além de diminuir a sobrecarga de trabalho docente.

A adoção do cenário de retorno integral é possibilitada hoje pelo avanço da vacinação e pela melhora no cenário epidemiológico no estado. Nesse sentido, o pró-reitor destacou as novas orientações do governo estadual (Decreto nº 56.199/2021) que retiraram a obrigatoriedade de algumas ações de combate à Covid-19, como o distanciamento interpessoal, tornando-as recomendações. Essa flexibilização favorece a reabertura das moradias estudantis e dos refeitórios dos campi, bem como a organização das atividades em salas de aula e demais espaços de aprendizagem.

Desde outubro, as atividades presenciais do IFFar vêm sendo retomadas gradualmente em todas as unidades, após decisão que permitiu a realização de atividades práticas de presença essencial. Neste mês de dezembro, a PROEN publicou um documento para guiar as unidades nesta nova etapa, intitulado "Do remoto ao presencial: orientações pedagógicas para o retorno das atividades letivas presenciais".

Com a aprovação do Conselho, serão alteradas a Resolução Consup nº 37/2021 e a Instrução Normativa nº 26/2021.

Passaporte vacinal

O Consup também discutiu a proposta de tornar obrigatória a comprovação da vacinação contra a Covid-19 pela comunidade acadêmica do IFFar – incluindo estudantes, servidores efetivos e terceirizados, estagiários e demais pessoas que circulem nas unidades do Instituto. A adoção do “passaporte vacinal” já é praticada por diversas instituições de ensino públicas do estado e do país, como UFRJ, USP, Unesp, Unicamp, FURG, UFRGS, UFCSPA e IFRS.

Após votação, o Conselho posicionou-se favorável à medida, que deve entrar em vigor na retomada das atividades, em fevereiro. O pró-reitor de desenvolvimento institucional, Carlos Lehn, destaca que a exigência visa ao bem-estar coletivo e tem por objetivo manter o máximo de segurança sanitária no retorno.

A comprovação corresponde ao esquema vacinal completo para servidores e funcionários terceirizados e pelo menos uma dose para estudantes, estagiários e público em geral, observando os calendários do Plano Nacional de Imunizações. A exceção é dos que não o fizeram por questões de saúde comprovadas por atestado médico. Não vacinados deverão apresentar testes RT-PCR ou teste antígeno negativos e assinar um termo de ciência e responsabilidade. O IFFar vai publicar orientações gerais sobre os procedimentos a serem adotados.

Outras pautas que foram apreciadas nesta reunião

Curricularização da extensão – O Conselho Superior apreciou e aprovou a proposta de alteração da Resolução Consup nº 62/2020, que traz o regulamento para a implantação e desenvolvimento da Curricularização da Extensão.

Plano de Ação - Foi aprovada a proposta de Plano de Ação 2022 do IFFar. Nele, as unidades indicam as ações estratégicas que planejam implementar no próximo ano, de acordo com seus orçamentos. A reitora do Instituto Federal Farroupilha, Nídia Heringer, esclareceu que a elaboração do plano se baseia em uma hipótese de orçamento para o próximo exercício, mas que os valores podem mudar após a aprovação da Lei Orçamentária Anual (LOA), pelo governo federal.

A 4ª Reunião Extraordinária do Consup foi realizada online e transmitida ao vivo pelo YouTube.

Secom

Publicado em Notícias Jaguari

Leia mais...

  • 20/12/21
  • 09h13

O Instituto Federal Farroupilha Campus Jaguari está ofertando 35 vagas para o Curso PROEJA FIC em Assistente Financeiro, em 2022.

fic financeiro

O período de inscrições é de 16 de novembro até o início de fevereiro. Podem se inscrever estudantes com 15 anos ou mais que não tenham concluído o Ensino Fundamental. O curso, na modalidade PROEJA, é um curso técnico integrado ao Ensino Fundamental, tem duração de 2 anos e será ofertado em uma parceria entre a Escola São José e o Campus Jaguari. As aulas ocorrem de forma presencial de segunda à quarta-feira no turno noturno.

As inscrições devem ser realizadas diretamente na Escola São José, na cidade de Jaguari.

  • Manhã: 8h30min às 11h30min.
  • Tarde: 13h30min às 16h30min.

Para mais informações na Escola Municipal de Ensino Fundamental São José, rua Marechal Floriano 244, Centro ou pelo fone: (55)3255-3004.

 

Publicado em Notícias Jaguari

Leia mais...

  • 14/12/21
  • 13h49
Fim do conteúdo da página