Ir direto para menu de acessibilidade.

Tradução Portal

ptendeites

Opções de acessibilidade

Página inicial > #assistenciaestudantil
Início do conteúdo da página

IFFar

O coronavírus causa uma doença altamente contagiosa chamada COVID–19. Como nunca tivemos contato com o vírus antes, não temos imunidade.
O Ministério da Saúde disponibilizou uma cartilha para esclarecer dúvidas e orientar a população no combate à pandemia. Confira a cartilha em anexo.


Importância da Alimentação Saudável e Relação com Coronavírus


Apesar do que dizem algumas Fake News por aí, não existe alimento ou nutriente milagroso que evite ou trate a Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus. “A imunidade é formada por um conjunto de fatores que atuam contra diferentes doenças, vírus e bactérias. Não podemos elencar um único alimento ou uma vitamina para resolver um problema de saúde”, aponta o infectologista Hélio Bacha, do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, à Agência Einstein.
Por outro lado, uma dieta balanceada como um todo ajuda o organismo a se manter preparado contra invasores. “Se o indivíduo se alimentar corretamente, seu sistema imunológico estará competente, independentemente do tipo de infecção”, informa a nutricionista do IFFar - Campus Santa Rosa, Tânia Pinheiro. "Temos que investir em fontes de todos os tipos de nutrientes, porém destaco alguns que dão uma força especial. Eles favorecem os glóbulos brancos, que são as nossas células de defesa".

Saibam quais são eles e onde se encontram:
Proteínas: alimentos de origem animal (carne vermelha e branca, leite, ovos) e leguminosas (feijão, soja, ervilha, grão de bico). “Recomendo comer leguminosas junto com cereais, como arroz e milho, para que um complemente o outro”. Essa mistura fornece aminoácidos de ótima qualidade.
Zinco: carnes de todos os tipos, principalmente a vermelha, derivados de animais e frutos do mar.
Magnésio: leguminosas oleaginosas (nozes, amêndoas, castanhas) e verduras folhosas.
Selênio: a principal fonte é a castanha do Pará ou do Brasil.
Vitamina A: está presente em fontes de gordura (queijo, gema do ovo) e em vegetais de coloração alaranjada, como manga, mamão e cenoura.
Vitamina C: o micronutriente mais famoso quando citamos imunidade é ofertado por frutas cítricas (laranja, bergamota, maracujá, limão, abacaxi).
Complexo B: É composto por várias vitaminas disponíveis em todos os grupos. Então é necessário ingerir um pouco de cada, raciocina a profissional. Lembrando que a B12 é encontrada naqueles de origem animal. Por isso, os veganos precisam considerar suplementos, com orientação profissional.

A recomendação para quem não tem um cardápio balanceado é, em um primeiro momento, mudar esse comportamento. Agora, se não resolver, ela poderá usar suplementos. E, mais uma vez, sempre sob orientação do profissional nutricionista. Uma alimentação saudável está resumida em três palavras: equilíbrio, moderação e variedade.

Como planejar as compras de supermercados nesse momento.
Os especialistas recomendam uma compra de alimentos não perecíveis, frutas com maior durabilidade, e legumes congelados.
Veja algumas dicas:
1. Grãos e Cereais: Entre os alimentos com maior prazo de validade estão os cereais. Como feijões, grão de bico, quinoa. No grupo dos cereais encontramos o arroz, cevada, trigo e aveia;
2. Massas: é uma boa opção de estoque e existe em vários formatos;
3. Frutas: entre as diversas opções, na safra temos com maior durabilidade o melão, laranja e maçã. Ainda podemos congelar algumas como o moranguinho e uva. Outras opções pode ser polpa de frutas e frutas em calda, secas e oleaginosas;
4. Legumes: congelados mantém as vitaminas e o sabor dos alimentos por isso é uma boa opção. No momento utilizar seletas de legumes, brócolis, espinafre e ervilhas;
5. Laticínios: com menor durabilidade devemos ficar atentos no prazo de validade. Iogurte e queijos são possíveis conservá-los por 15 dias em geladeira ou congelar por um período mais longo.

A orientação no momento para as pessoas é não sair de casa e isso faz repensarmos como preparar o cardápio do dia. A dica é utilizarmos o que temos em casa observando os grupos de alimentos, ou seja, as dicas citadas acima.
Uma alimentação saudável não substitui as medidas de prevenção para o contágio de vírus, mas pode fortalecer o sistema imune e ajudar a combater doenças.
Num momento em que se pede a todos para que se cumpram medidas de proteção para evitar o contágio por Corona vírus, Covid-19, lavar bem as mãos e desinfetá-las com antibacterianos que não danifiquem a pele, tossir ou espirrar para o braço e evitar contato com pessoas infectadas, é importante lembrar também que a alimentação pode ser um dos maiores aliados ao bem estar. Não se esqueça de fazer a desinfecção de frutas, verduras e legumes, misturando uma colher de sopa (10 a 15 ml) de água sanitária em 1 litro de água por 10 minutos. Lembre-se que devem ser lavados em água corrente antes de fazer a desinfecção e após deixar de molho.
Descartar as embalagens quem vem com os produtos, tipo o saquinho que vem com a maçã e aí proceder com a desinfecção. A quantidade de alimentos que devem ser consumidos varia para cada ciclo de vida, mas lembrar de que um prato raso médio deve ser composto à metade por feijão e arroz e o outro à metade com legumes, verduras, frutas e carne. É essencial o consumo de água que para os adultos fica em média 2,5 litros diariamente.
O Conselho Regional de Nutricionistas lembra “que uma alimentação saudável, com base nos alimentos in natura sempre variados e a ingestão de água são sempre importantes para a prevenção de diversas doenças”.

Fonte: Ministério da Saúde e Conselhos Regionais de Nutrição.

Nutricionista Tânia Terezinha Pinheiro

CAE-Coordenação de Assistência Estudantil.

Publicado em Notícias Santa Rosa

Leia mais...

  • 27/03/20
  • 14h50
A DIRETORA GERAL DO CAMPUS SANTA ROSA DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA (IFFar), no uso de suas atribuições, torna pública a Seleção de estudantes de Cursos Presenciais para a concessão de Auxílio Permanência da Assistência Estudantil do IFFar 2020/I.

Publicado em Editais Santa Rosa

Leia mais...

  • 18/02/20
  • 09h59

A Coordenação da Assistência Estudantil do IFFar – Campus Santa Rosa realizou durante todo o mês, atividades alusivas ao Setembro Amarelo, mundialmente reconhecido como mês de conscientização sobre a prevenção ao suicídio e valorização da vida.

Nos dias 10 e 23 de setembro, a psicóloga Mariane Darui Copetti ministrou a formação “Sofrimento Psíquico e Comportamento Suicida: Possibilidades de Intervenção Acadêmica” para os docentes, tendo como objetivo fornecer as orientações necessárias para conscientizar, promover discussões e refletir sobre a vida e sobre as estratégias de cuidado para com a saúde mental e a prevenção ao suicídio na escola.

Para os alunos dos cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio, foram realizadas várias rodas de conversas a fim de estimular o diálogo sobre a valorização da vida e a prevenção ao suicídio com um olhar mais humano. No final dos encontros, os estudantes puderam expressar a importância de aprender a pedir e oferecer ajuda, fortalecer os vínculos seguros, a empatia e o sentimento de pertencimento.

A psicóloga Mariane Darui Copetti diz que “precisamos deixar de ter medo de falar sobre o assunto, derrubar tabus e compartilhar informações ligadas ao tema, tornando todos mais preparados para os desafios cotidianos do ambiente escolar, pois essa problemática influencia no processo de ensino-aprendizagem”. Ela ressalta que para ajudar alguém que está passando por esse dilema, o melhor caminho é orientar a pessoa a procurar uma ajuda médica ou psicológica, a falar com os familiares ou alguém de confiança". Também é importante escutar a pessoa com atenção e com respeito, partilhando informações sobre o assunto. “Muitas vezes o suicídio é um pedido de ajuda que não foi ouvido a tempo". 

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), no Brasil uma pessoa morre por suicídio a cada 45 minutos. É uma das principais causas de morte entre jovens brasileiros de 15 a 29 anos. No mundo, uma tentativa falha de tirar a própria vida acontece a cada 3 segundos. A cada 40 segundos, uma tentativa se concretiza. São cerca de 800 mil pessoas que entram na estatística do suicídio por ano.

Também foram distribuídos lanches com frases de incentivo e perseverança.

Centro de Valorização da Vida
No Brasil, o CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo, por telefone (basta discar 188), email e chat 24 horas todos os dias.

Publicado em Notícias Santa Rosa

Leia mais...

  • 30/09/19
  • 12h05

A DIRETORA-GERAL DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA – IF FARROUPILHA, Campus Santa Rosa, no uso de suas atribuições, torna pública a Lista de  estudantes inscritos  para a concessão de auxílios da Assistência Estudantil do IF Farroupilha 2018/I.

Publicado em Editais Santa Rosa

Leia mais...

  • 14/03/18
  • 16h59

A DIRETORA-GERAL DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA – IF FARROUPILHA, Campus Santa Rosa, no uso de suas atribuições, torna pública a Seleção de estudantes para a concessão de auxílios da Assistência Estudantil do IF Farroupilha 2018/I.

Publicado em Editais Santa Rosa

Leia mais...

  • 27/02/18
  • 16h45

A coordenação da Assistência Estudantil do IFFar - Campus Santa Rosa publicou a Chamada para Recadastramento dos beneficiários dos Auxílios Permanência e Transporte na tarde de ontem (20).

É solicitado que os discentes beneficiários dos auxílios até dezembro de 2017 compareçam a Coordenação de Assistência Estudantil entre os dias 21/02 e 02/03 para recadastramento. Aqueles que não realizarem o recadastramento perderão seus auxílios. Confira a lista de beneficiários e documetação exigida aqui

 

Publicado em Notícias Santa Rosa

Leia mais...

  • 21/02/18
  • 11h28
  • 31/08/17
  • 10h28
Fim do conteúdo da página