Ir direto para menu de acessibilidade.

Tradução Portal

ptendeites

Opções de acessibilidade

Página inicial > projeto de pesquisa
Início do conteúdo da página

IFFar

Uma equipe de pesquisadores do IFFar – Campus Panambi está desenvolvendo um projeto para analisar amostras de fezes caninas recolhidas em praças públicas de Panambi a fim de detectar a presença de parasitas que ofereçam risco à população. Esses parasitas são transmitidos através do contato direto ou indireto com fezes caninas contaminadas, representando uma importante ameaça à saúde pública.

Na pesquisa conduzida pelo professor Gerson Azulim Müller e pelos acadêmicos de Licenciatura em Ciências Biológicas Yasmin Teixeira, Brenda Zanetti, Gabriele Schneider e Robson Leal do Santos, foram localizados, entre outros, parasitas Ancylostomatidae, que são pequenos vermes desencadeadores de doenças como Ancilostomose e a Larva Migrans Cutânea, conhecida popularmente por “Bicho geográfico”.

Ao longo dos primeiros 11 meses de realização do projeto foram realizadas coletas quinzenais em seis praças públicas da cidade. Das 166 amostras recolhidas, 116 apresentaram espécies parasitológicas, sendo 48 (41,38%) delas positivas para Ancylostomatidae.

Através dos resultados obtidos nesse estudo fica evidente a necessidade de ações profiláticas para o fim do ciclo e contágio desses vermes parasitas, com destaque para a proposição de ações educativas, medidas de adoção responsável de animais, vermifugação dos cães e de seus tutores, além de práticas de educação sanitária no sentido dos tutores que levam seus animais para passear nesses espaços públicos recolham as fezes dos mesmos.

O projeto continuará até o final de 2020 e possui como objetivo fornecer informações que possam servir como base para a tomada de decisão de órgão públicos na elaboração de projetos futuros que previnam e controlem a ocorrência de eventuais surtos de transmissão de parasitas na população em geral e crianças, que são mais susceptíveis à contaminação por esses parasitas.

 

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 07/11/19
  • 07h59

Na quarta-feira, 22/05, alunos da Escola Sementes do Amanhã realizaram uma visita ao IFFar – Campus Panambi para participar do projeto “Alfabetização Científica”, coordenado pela professora Aline Machado Zancanaro. A alfabetização científica busca levar contribuições das atividades de investigação para o desenvolvimento do conhecimento científico em diferentes níveis de ensino.

Na atividade realizada a turma participante foi de educação infantil. De acordo com a coordenadora do projeto, “o objetivo é desvendar um mundo brilhante aos olhos dos/as pequeninos/as, pois essa é a fase das descobertas, cujas primeiras atividades ficarão na mente deles por muito tempo”. A metodologia adotada pela professora é realizar uma atividade inicial na escola, envolvendo “conceitos relacionados com a ciência, mas de maneira informal, a fim de deixá-los curiosos”. Nessa etapa os/as alunos/as têm se mostrado muito participativos/as, interagindo com a pesquisadora e com os materiais disponibilizados. A avaliação da “aprendizagem” é realizada a partir de desenhos e relatos em sala de aula.A segunda etapa do projeto é fazer uma visita aos laboratórios de física, química e biologia do IFFar – Campus Panambi. Além disso, eles realizaram um lanche na instituição, assistindo a uma breve fala sobre alimentação saudável, com a nutricionista do Campus.

“Como o projeto também fala de higiene, fizemos cultura de bactérias das mãos, pés, maçaneta, banheiros e celulares para mostrar o crescimento das mesmas. Por meio do uso do microscópio, os/as pequenos/as puderem "enxergar as bactérias" e, com isso, ficaram com “medo”. Assim, passarão a adotar mais hábitos de higiene”, pontua Aline.

Escolas interessadas em receber o projeto podem entrar em contato com a professora Aline, via e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 23/05/19
  • 17h06

Com o aumento de número de cães abandonados nas ruas de Panambi, há uma elevação no risco de transmissão de parasitas que infectam cães e passam para humanos. Partindo dessa problemática, uma equipe de pesquisadores do IFFar – Campus Panambi está desenvolvendo um projeto para analisar amostras de fezes caninas recolhidas em praças infantis, a fim de detectar a presença de zoonoses.

Desde agosto de 2018, os participantes realizam a coleta de amostras mensalmente, entre três e cinco praças do município. Posteriormente à coleta, as amostras são analisadas nos laboratórios do IFFar – Campus Panambi. Com os resultados da pesquisa, os acadêmicos redigirão artigos acadêmicos e possuem a intenção de que as informações possam servir como base para a tomada de decisão de órgão públicos na elaboração de projetos futuros que previnam e controlem a ocorrência de eventuais surtos de transmissão de parasitas em crianças – público frequentador das praças infantis da cidade.

O projeto “Prevalência de parasitas zoonóticos em praças infantis do município de Panambi” possui a orientação de Gerson Azulim Müller e conta com a colaboração de dois bolsistas: Brenda Zanetti e Robson Leal do Santos, acadêmicos do 7º semestre de Licenciatura em Ciências Biológicas, e Yasmin Teixeira, também aluna de Ciências Biológicas, que atua como voluntária.

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 26/04/19
  • 14h51

Docentes e alunos do Campus Panambi estão desenvolvendo um projeto de pesquisa que visa avaliar a qualidade físico-química e microbiológica da água do rio Fiúza em Panambi/RS. O projeto iniciou no segundo semestre de 2018 e tem previsão de término em 2020. O rio Fiúza é a principal fonte de abastecimento de água para a população de Panambi, sendo esse um estudo necessário para conhecer a influência que a população tem nos parâmetros de qualidade da água, ao longo do percurso do rio.

Para isso estão sendo coletadas amostras em sete pontos diferentes do rio, distribuídos entre áreas rurais e urbanas. As análises serão realizadas no Campus Panambi, utilizando equipamentos e procedimentos específicos para cada caso, seguindo o Manual Prático de Análise de Água da Fundação Nacional de Saúde. O estudo analisará alguns parâmetros como pH, alcalinidade, sólidos totais dissolvidos, além de análises microbiológicas, incluindo contagem de bactérias e coliformes totais.

 Posteriormente as informações serão utilizadas como dados para a elaboração de artigos científicos, contribuindo para a disseminação de conhecimento na área e também como forma de conscientização da população.  Samile Martel, coordenadora do projeto, intenciona estabelecer parceria futura com a UFSM a fim de realizar também análise do quantitativo de agrotóxicos presentes na água, pois o IFFar não dispõe de estrutura laboratorial para realizar tais análises.

O projeto de pesquisa conta atualmente com 2 estudantes bolsistas: Franciele Machado, acadêmica do 7º semestre em Licenciatura em Química, e Maria Luiza Ott, acadêmica do Técnico Integrado em Química, além da colaboração de Fernando Lieberknecht como voluntário. Os servidores Larissa de Lima Alves, Odair Dal Agnol e Josiana Rita Bazana atuam como colaboradores.

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 25/04/19
  • 10h50

Ensino, pesquisa e extensão formam o tripé que sustenta a formação integral dos alunos do Instituto Federal Farroupilha. No Campus Panambi, um dos projetos de pesquisa atualmente em execução diz respeito à pesquisa sobre formigas encontradas em matas ciliares de Panambi, uma vez que esses insetos são utilizados como bioindicadores e podem ser úteis em estudos ecológicos que envolvam a qualidade ambiental de uma área.

Etapas da metodologia do projeto 5

Por sua importância ecológica para o ecossistema terrestre e pela carência de estudos a respeito das espécies de formigas na região Noroeste do Rio Grande do sul, o professor Gerson Azulim Müller, e a acadêmica de Licenciatura em Ciências Biológicas, Iasmin Assmann, conduzem um projeto de pesquisa com o objetivo identificar as espécies de Formicidae que ocorrem em um fragmento florestal de mata ciliar em Panambi.

Para isso, desde agosto de 2018, a cada 15 dias, estão sendo coletadas formigas que ocorrem nesse local a partir do emprego de armadilhas de queda (Pitfalls). Essas armadilhas estão dispostas em duas áreas, sendo uma de mata mais aberta e outra mais fechada, contendo 10 armadilhas cada. Após a coleta do conteúdo das armadilha, os exemplares de formigas encontradas são fixados em álcool 70% e identificados a nível específico.

Ao final do projeto, previsto para agosto de 2019, estima-se o aprimoramento de conhecimento sobre a biodiversidade desse importante grupo de insetos para a região Noroeste do Rio Grande do Sul, a partir das seguintes variáveis ecológicas: abundância, riqueza, diversidade e curva de acumulação.

 

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 24/01/19
  • 09h50

Desde novembro de 2017 o professor Gerson Azulim Müller, do IFFar – Campus Panambi, conduz um projeto de pesquisa que tem como objetivo fazer um levantamento e monitorar as espécies de mosquitos que ocorrem em três fragmentos florestais da região. Para realizar o monitoramento foram instaladas armadilhas (ovitrampas) em matas de Panambi e Pejuçara, além de outra na área do Campus, as quais são revisadas periodicamente.

A metodologia de realização do projeto envolve as seguintes etapas: as larvas dos mosquitos são coletadas em campo e trazidas para laboratório onde são criadas até virarem adultos. Posteriormente elas são identificadas. De acordo com o professor Gerson, que conta com apoio das alunas Brenda Zanetti Dessbesell e Franciele Ortiz, do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas, “nesse período de execução do projeto já foram encontradas algumas espécies de mosquitos do gênero Aedes, inclusive o Aedes aegypti”. Por isso se faz necessário retomar o cuidado com a proliferação do vetor transmissor da zika, chicungunya e dengue.

O período do verão é o mais propício à proliferação do mosquito Aedes aegypti, por causa das chuvas, e consequentemente é a época de maior risco de infecção por essas doenças. A população deve ficar atenta e redobrar os cuidados para eliminar possíveis criadouros do mosquito. As principais medidas de prevenção e combate ao Aedes Aegypti são:

  • Manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água;
  • Lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água;
  • Manter caixas d’agua bem fechadas;
  • Remover galhos e folhas de calhas;
  • Não deixar água acumulada sobre a laje;
  • Encher pratinhos de vasos com areia até a borda ou lavá-los uma vez por semana;
  • Trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana;
  • Colocar lixos em sacos plásticos em lixeiras fechadas;
  • Fechar bem os sacos de lixo e não deixar ao alcance de animais;
  • Manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo;
  • Acondicionar pneus em locais cobertos;
  • Fazer sempre manutenção de piscinas;
  • Tampar ralos;
  • Colocar areia nos cacos de vidro de muros ou cimento;
  • Não deixar água acumulada em folhas secas e tampinhas de garrafas;
  • Vasos sanitários externos devem ser tampados e verificados semanalmente;
  • Limpar sempre a bandeja do ar condicionado;
  • Lonas para cobrir materiais de construção devem estar sempre bem esticadas para não acumular água;
  • Catar sacos plásticos e lixo do quintal.

Essa é a única forma de prevenção. E todos precisam fazer sua parte.  

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 26/12/18
  • 09h34

Caminante, son tus huellas/el camino, y nada más;/caminante, no hay camino:/se hace camino al andar”. Esse trecho do poema de Antonio Machado esboça a ideia do livro “Caminos:  letramento e multimodalidade no ensino de espanhol”, escrito pela docente Carla Luciane Klos Schöninger e pelas alunas bolsitas Iasmin Assmann Cardoso da Silva e Gabrielle Stephany da Silva Roque, do IFFar – Campus Panambi.

O livro apresenta abordagens teóricas acerca dos conceitos de letramento e multimodalidade no ensino de espanhol, promovido através do projeto de pesquisa: “Caminos: abordagens sobre cultura, letramento literário e multimodal no ensino de espanhol”, desenvolvido no campus desde 2016. De acordo com a professora Carla, Coordenadora do Projeto, “o caminho se faz pelas nossas pegadas e se faz ao andar, e é assim que, a partir de pressupostos teóricos relatamos algumas práticas pedagógicas que podem servir de subsídio não somente para professores de línguas, mas para qualquer área de conhecimento”.

O livro é uma publicação da Editora Novas Edições Acadêmicas. Um exemplar está disponível para consulta da comunidade, na biblioteca do Campus Panambi.

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 14/09/18
  • 10h40

O evento anual que está em sua vigésima edição ocorreu entre os dias três e cinco de maio na Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Unisinos na cidade de São Leopoldo/RS. O aluno do Curso Superior em Sistemas para Internet Samuel Müller Forrati, no dia 04/05 teve a oportunidade de participar e apresentar o trabalho elaborado, acerca do desenvolvimento do Projeto de Pesquisa “Formação de professores: compromissos e estratégias institucionais do Instituto Federal Farroupilha” orientado pela Professora e Doutora em Educação Eliane de Lourdes Felden, tendo como colaborador o também aluno Curso Superior em Sistemas para Internet, Anderson Daniel Stochero. O trabalho denominado: “FORMAÇÃO DE PROFESSORES: DISCUSSÕES EPISTEMOLÓGICAS NA PERSPECTIVA DE PAULO FREIRE E OUTROS AUTORES” relata alguns dos resultados obtidos através da pesquisa no ano de 2017, sob o viés da ótica Freireana, além de outros estudiosos da área. Vale ressaltar que o projeto, em 2018, foi renovado para o seu segundo ano.

O Evento, que é tradicional no âmbito regional, visa promover um encontro de estudos, rico em diálogos e reflexão crítica sobre o tipo, as repercussões e as influências da presença de Paulo Freire no RS. Os trabalhos apresentados tem a intencionalidade de propiciar discussões, problematizações e sistematizações sobre o legado do Fórum de Estudos: Leituras de Paulo Freire e suas relações com os múltiplos espaços educativos ( educação escolar e não escolar), mediados por eixos temáticos que nos permitam produções de conhecimento que contribuam para as nossas práticas educativas, tanto no âmbito individual como coletivas.  Mais informações: http://www.unisinos.br/eventos/xx-forum-de-estudos-leituras-de-paulo-freire-tema-legado-e-presenca-ex123429-00001

Texto: Anderson Daniel Stochero

Fotos: Samuel Forrati

Leia mais...

  • 05/06/18
  • 12h04

Nesta terça-feira (03 de abril), a aluna Dayane Flores da primeira turma do Curso de Licenciatura em Computação, e os alunos Anderson Daniel Stochero e Samuel Müller Forrati da primeira turma do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet, apresentaram trabalhos na VII Jornada Nacional de Educação Matemática que ocorreu na Universidade de Passo Fundo - Passo Fundo/RS.

20180403 121236 Copy

Os trabalhos apresentados demonstraram os resultados alcançados da realização de projetos de ensino e pesquisa realizados no IFFar Campus Santo Ângelo.

A aluna Dayane Flores explanou dois trabalhos “Utilizando Aplicativos Para A Matemática Através Da Plataforma App Inventor”, escrito em conjunto com a também aluna do curso Jordana Borchartt e orientado pela professora Cristiane Da Silva Stamberg - professora de Matemática. O seguinte foi “Intervenções Possíveis No Ensino Médio: A Matemática Ensinada De Diferentes Maneiras”, apresentação que remete ao Projeto de Ensino de Monitoria em Matemática e diferentes metodologias utilizadas na disciplina, também orientado pela professora Cristiane, durante os anos de 2015, 2016 e 2017.

Os alunos Anderson e Samuel apresentaram “A Criança com Transtorno do Espectro Autista e a Tecnologia no Ensino das Operações Básicas Matemáticas através de um Jogo Computacional”, trabalho escrito também em conjunto com a professora Cristiane Stamberg e orientado por Andréa Pereira - professora de Informática. O trabalho apresentou os resultados alcançados nos anos de 2017 do Projeto de Pesquisa “O Ensino e a Aprendizagem em Matemática com o Auxílio de Ferramentas Tecnológicas”, que visa produzir um jogo matemático como ferramenta auxiliar para a aprendizagem de matemática para Jovens com Espectro Autista.

A comissão organizadora do evento irá publicar estes e muitos outros trabalhos por meio dos Anais do Evento que devem ser disponibilizados em breve na página oficial.

Leia mais...

  • 05/04/18
  • 08h24

Com o objetivo de monitorar e estudar aspectos ecológicos dos mosquitos Haemagogus, vetores de febre amarela, em fragmentos florestais da região de Panambi e região, desde novembro de 2017 o professor Gerson Azulim Müller conduz um projeto de pesquisa no IFFar – Campus Panambi.

Publicado em Notícias Panambi

Leia mais...

  • 24/01/18
  • 09h31
Fim do conteúdo da página